Morador do DF é o primeiro brasileiro a ganhar concurso de violinista na Espanha

  • 09/06/2018 - 09h12

Dayana Vítor

Quase todo brasileiro já tentou tocar violão, mas, um em especial, conseguiu um desempenho tão bom que o levou a lugares nunca imaginados.

 

O ex-morador de Sobradinho, Pedro Aguiar, de 27 anos, já ganhou 12 prêmios como melhor violonista clássico em países como Itália, Uruguai e Áustria.

 

O último foi no começo deste mês, na Espanha, o XIV Concurso Internacional de Guitarra Alhambra de Valência. Foi a primeira vez na história que um brasileiro ficou em primeiro lugar na competição.

 

Pedro conta a emoção de receber esse prêmio.

 

A história de Pedro com a música começou quando ele tinha 12 anos e entrou na orquestra de violões de Sobradinho.

 

Depois, ele participou do curso de verão, na Escola de Música de Brasília, onde nasceu o amor pelo violão clássico.

 

O sentimento cresceu e o menino decidiu que essa seria sua profissão. Formou-se músico, na Universidade Federal de Goiás. Estudou parte do mestrado nos Estados Unidos e foi aprimorar os conhecimentos em Paris. Agora, trabalha como professor-assistente de uma universidade na cidade alemã de Munique.

 

Pedro fala como essa trajetória começou.

 

O menino que viveu a maior parte da vida em Sobradinho, já mora fora do Brasil há cinco anos. Em Dezembro passado, Pedro esteve em Brasília. No futuro, ele pretende voltar ao país para ensinar novas gerações de violonistas.

 

Se você assim como Pedro gosta de música, uma oportunidade para aprender é a Escola de Música de Brasília, que abre processo seletivo nessa sexta-feira, dia 8, até 17 de junho.

 

A inscrição para concorrer a uma vaga deve ser feita no site da Secretaria de Educação o www.se.df.gov.br.

 

O resultado da seleção sai no dia 21 de junho.

 

As matrículas dos candidatos serão de 16 a 19 de julho, na própria escola de música.

Ir para a versão desktop