Exposição no RJ retrata fósseis e reproduções de plantas e animais milenares

  • 16/01/2019 - 21h06

Tatiana Alves

O Rio de Janeiro recebe a partir desta quinta-feira (16) a exposição "Quando Nem Tudo Era Gelo – Novas Descobertas no Continente Antártico", no Centro Cultural Museu Casa da Moeda, no centro da cidade.

 

A mostra é fruto da parceria da Casa da Moeda com o Museu Nacional, que faz sua primeira exposição após o incêndio que afetou a instituição quatro meses antes. As novas descobertas fazem parte do Projeto Paleoantar, que é vinculado ao Programa Antártico Brasileiro, uma iniciativa da Marinha que apoia pesquisas de cientistas brasileiros no continente. 

 

A mostra retrata fósseis e reproduções de plantas e animais que viveram há 90 milhões de anos e um acampamento das equipes que trabalham no continente. Além disso, mostra as mudanças da Antártica em 200 milhões de anos.

 

Outro material exibido na exposição é uma réplica de um animal de sete metros de comprimento, a maior já exposta em toda a história do museu.

 

A exposição tem classificação livre e entrada franca. A Casa da Moeda fica na Praça da República, no centro da capital carioca.

Ir para a versão desktop