Caprichoso e Garantido vão à arena do Festival de Parintins neste sábado; público assiste pela TV

  • 26/06/2020 - 08h15

Graziele Bezerra

O festival Folclórico de Parintins, cidade amazonense a cerca de 370 quilômetros de Manaus, também teve que ser suspenso por causa da pandemia do novo coronavírus.


O evento ocorre sempre no último fim de semana de junho, e na cidade, que em tempos normais estaria uma aglomeração só, pintada em azul e vermelho, tudo está diferente. Só uma coisa não muda: a rivalidade entre os bois, como nos relata o parintinense Marcondes Maciel.


Mas se engana quem pensa que não vai ter festa. Neste sábado, 27, dia em que seria realizada a segunda noite do festival, os bois rivais vão disputar atenção, hastags e likes. Eles, na arena. E as torcidas.... em casa mesmo, acompanhando pela TV.


O Caprichoso vai abrir a noite. O presidente da agremiação, Jender Lobato, explica que a equipe será reduzida em respeito às normas de isolamento social.


Quem fecha a noite de apresentações é o Garantido. O presidente do grupo, Fábio Cardoso, relembra a importância do evento para a cidade de Parintins, não somente pela cultura, mas também pelo viés econômico.


As agremiações sugerem que o festival ocorra em novembro ou dezembro, se as condições sanitárias permitirem. O governo do Amazonas, responsável pela festa, diz que a realização dependerá da evolução dos casos de Covid-19 no país.


Quem comprou ingresso pode procurar a empresa Amazon Best para solicitar crédito para o ano que vem - ou o dinheiro de volta.

Ir para a versão desktop