ONG Ação da Cidadania começa distribuição de 10 toneladas de alimentos para entidades LGBTI no Rio

  • 29/06/2020 - 16h56

Lígia Souto

A ONG Ação da Cidadania deu início nesta segunda-feira (29) à distribuição de cestas básicas para 20 entidades, no Rio de Janeiro e em São Paulo, que abrigam e atuam na defesa de direitos de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, travestis e intersexuais em situação de vulnerabilidade.  Muitas dessas pessoas foram expulsas de casa em decorrência da LGBTfobia.

 

Só na capital fluminense, foram recolhidas cerca de dez toneladas de alimentos não perecíveis para a campanha.

 

A doação faz parte do programa Ação Contra o Corona, que desde março ajuda famílias impactadas pela crise da Covid-19. A iniciativa também se soma às celebrações do Dia do Orgulho LGBTI, comemorado neste último domingo em todo o mundo.

 

Segundo o diretor executivo do Ação da Cidadania, Kiko Afonso, cada entidade terá direito a uma tonelada de alimentos. Ele espera que as cestas ajudem especialmente travestis e transexuais, que perderam a fonte de renda durante a pandemia do novo coronavírus.

 

Além dessa campanha, a Ação da Cidadania segue recolhendo alimentos para outros projetos de ajuda humanitária, como Natal Sem Fome. No site da ONG é possível encontrar todas as informações necessárias para aqueles que quiserem ajudar.

Ir para a versão desktop