Taxa de inadimplência no Amazonas segue em queda

  • 12/10/2017 - 11h04

Bianca Paiva

A taxa de inadimplência em agosto no Amazonas ficou em 4%, de acordo com os últimos dados da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Manaus. O número segue a tendência de queda verificada nos meses anteriores.


Em julho, o percentual foi o mesmo, em junho 4,3%, e, em maio, 4,4%. A instituição avalia que um dos fatores que contribuíram para esse resultado positivo foi o pagamento das contas inativas do FGTS, Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, que ajudou muitos consumidores a quitarem as dívidas.


Em relação a uma projeção para os próximos meses, a CDL Manaus avalia que é difícil prever, mas pode haver “uma luz de esperança”, nas palavras do presidente da entidade, Ralph Assayag, devido a diminuição nas demissões no comércio, ao fato de que as vendas no segundo semestre costumam ser melhores em relação ao primeiro e, também, porque alguns setores conseguiram reajuste salarial.


Apesar da redução da inadimplência no Amazonas, mais de 345 mil pessoas ainda estão na lista de devedores no estado.

Ir para a versão desktop