IBGE mostra crescimento de vendas no varejo em agosto, 3º resultado positivo seguido

  • 10/10/2019 - 12h04

Cristiane Ribeiro

As vendas do comércio varejista brasileiro cresceram 0,1% em agosto, na comparação com julho. O resultado foi o terceiro positivo consecutivo do indicador, que acumula crescimento de 1,2% no período. Os dados são da Pesquisa Mensal do Comércio, divulgada nesta quinta-feira (10) pelo IBGE.

 

Em agosto, das oito atividades investigadas, quatro apresentaram taxas positivas e as outras quatro ficaram com taxas negativas.

 

Entre as taxas positivas, o destaque foi o setor de super e hipermercados, que agrega produtos alimentícios e fumo. As vendas aumentaram 0,6%, na passagem de julho para agosto, o quarto resultado positivo seguido.

 

Outra alta importante foi de artigos de uso pessoal e doméstico, que cresceram 0,2%. Juntos, os dois setores correspondem a mais de 60% do total do varejo.

 

Também tiveram aumento nas vendas os equipamentos e materiais de escritório, informática e comunicação, além de livros, revistas e artigos de papelaria.

 

As variações negativas ficaram com as atividades combustíveis e lubrificantes; tecidos, vestuário e calçados; móveis e eletrodomésticos e artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos.

 

Já o comércio varejista ampliado, que inclui veículos automotivos e material de construção, ficou estável em 0%. Essas duas atividades apresentaram taxas negativas de 1,7% e 0,8%, respectivamente.

 

O comércio varejista também teve altas de 0,4% na média móvel trimestral, de 1,3% na comparação com agosto do ano passado, 1,2% no acumulado do ano e 1,4% no acumulado de 12 meses.

Ir para a versão desktop