TSE confirma inelegibilidade do ex-governador de Tocantins Sandoval Cardoso

  • 06/12/2018 - 19h32

Sheily Noleto

Por unanimidade, o Plenário do Tribunal Superior Eleitoral confirmou HOJE a inelegibilidade de oito anos imposta ao ex-governador do Tocantins, Sandoval Lobo Cardoso.

 

O ex-gestor  foi condenado por abuso de poder político quando tentava se reeleger em 2014.

 

Ao manter decisão da justiça Eleitoral do Tocantins os ministros entenderam que Sandoval, quando esteve à frente do governo estadual, concedeu aumentos salariais a  servidores públicos que extrapolaram, em muito, o poder aquisitivo do funcionalismo. Os reajustes passaram de quatrocentos por cento.

 

A decisão não alcança o a época candidato a vice-governador na chapa de Sandoval, Joseli Agnolin. Segundo o entendimento da corte, o candidato a vice foi apenas beneficiário da conduta irregular do governador, não tendo participado da concessão dos aumentos.

 

Não conseguimos contato com a defesa de Sandoval Cardoso.

Ir para a versão desktop