Na Sub-20, Brasil ganha mas não leva a taça

  • 11/02/2019 - 10h02

Eurico Tavares

O Brasil chegou na rodada final do Campeonato Sul-Americano Sub-20 sabendo que precisava ganhar da Argentina e contar com resultados nos dois primeiros jogos da noite.


No primeiro, o Uruguai não conseguiu derrotar a Colômbia e o empate de 0 a 0 deixou o Brasil ainda no pareo mas com uma tarefa mais difícil. Precisava ganhar da Argentina por 3 gols de diferença.


O segundo jogo poderia liquidar com a esperança brasileira se a Venezuela, vice-campeã Mundial há dois anos, conseguisse derrotar o Equador. Logo nos primeiros minutos o Equador abriu o placar e no final venceu por 3 a 0 e esperava um tropeço argentino diante do Brasil.


A Confederação Sul-Americana modificou a rodada deixando Argentina e Brasil para encerrar o campeonato. O Brasil entrou com a obrigação de conseguir ganhar com três gols de diferença e a Argentina precisando de um simples empate para ser campeã sul-americana.


O Brasil fez o seu melhor jogo. Conseguiu fazer 1 a 0 no final do primeiro tempo. No segundo tempo, duas frustrações: os argentinos não conseguiram empatar e o Brasil não saiu do 1 a 0.

Ir para a versão desktop