CNMP nega recurso e mantém processo disciplinar contra Deltan Dallagnol

  • 13/08/2019 - 19h51

Márcia Dias

O Conselho Nacional do Ministério Público negou nesta terça-feira (13), por unanimidade, um recurso do procurador da República Deltan Dallagnol. O coordenador da Lava Jato no Paraná tentava reverter a abertura de um procedimento administrativo disciplinar contra ele.

 

Dallagnol é acusado de infração disciplinar por ter criticado, em uma entrevista à rádio CBN, a atuação de ministros do Supremo Tribunal Federal, no julgamento que retirou trechos da delação da Odebrecht das mãos do então juiz federal Sergio Moro. 

 

O Processo Administrativo Disciplinar foi aberto depois de uma representação formalizada pelo ministro Dias Toffoli, atual presidente do Supremo Tribunal Federal. O procurador pode ser punido com advertência, censura, suspensão ou até demissão.

Ir para a versão desktop