MP e Polícia Civil intensificam combate a falsificação de alvarás em Búzios

  • 13/02/2020 - 20h28

Tâmara Freire

Uma operação do Ministério Público (MP) e da Polícia Civil foi deflagrada nesta quinta-feira (13) para desarticular uma quadrilha que falsificava alvarás no município de Búzios, na Região dos Lagos fluminense.


Essa é a segunda fase da ofensiva contra o grupo, quatro meses após o cumprimento de mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao acusados, para a coleta de evidências.


Agora, cinco despachantes tiveram o mandado de prisão expedido pela Primeira Vara Criminal da cidade.


Eles estão sendo acusados de organização criminosa, estelionato, fraude processual e ameaça.


De acordo com a investigação, empresários que tentavam legalizar seus estabelecimentos com a prefeitura eram aconselhados por funcionários da própria administração a procurar despachantes para acelerar o processo.


Então, eles entravam em contato com os alvos da operação e cobravam cerca de R$ 5 mil pela emissão dos documentos, que no fim das contas eram falsos.


O Ministério Público identificou ainda que no decorrer da investigação os acusados ameaçaram vítimas e destruíram provas para tentar fugir da Justiça.

Ir para a versão desktop