Juiz da Califórnia barra decisão de Trump de suspender programa que protegia imigrantes

  • 10/01/2018 - 18h31

Paola de Orte

A decisão havia sido anunciada por Trump em setembro do ano passado. Segundo ele, o programa, chamado Daca, ficaria suspenso até março, prazo para o congresso criar uma nova lei para substituir a da era Obama.
 


A partir daí, os imigrantes começariam a ser deportados. Há estimativas de que setecentas mil pessoas são afetadas pela decisão de Trump. Com o programa, esses imigrantes, chamados de “dreamers” ou “sonhadores” recebiam autorização para trabalhar.
 


A suspensão pode complicar ainda mais as negociações entre Trump e os líderes do congresso para decidir como será a reforma migratória que o presidente quer para os Estados Unidos, que inclui temas polêmicos como o muro na fronteira com o México, o próprio  Daca e o sistema de concessão de vistos por loteria.

 

Detalhes com a repórter Paola de Orte. 
 

Ir para a versão desktop