Bolsonaro recebe oposicionistas a Maduro e diz que se solidariza com sofrimento do povo vizinho

  • 17/01/2019 - 22h16

Kariane Costa

O presidente Jair Bolsonaro recebeu nesta quinta-feira (17), no Palácio do Planalto, uma comitiva da Venezuela, oposicionista ao governo de Nicolás Maduro.

 

Bolsonaro gravou um vídeo deixando uma mensagem ao povo venezuelano. Disse que o Brasil se solidariza com o sofrimento do povo vizinho.

 

Acompanhado do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, o grupo veio pedir apoio do governo brasileiro, como explicou o venezuelano Miguel Ángel Martín, presidente do Tribunal Supremo de Justiça no exílio.

 

Na semana passada, Maduro foi empossado para um novo mandato de seis anos à frente da Venezuela. Mas, boa parte da comunidade internacional não reconhece a reeleição dele.

 

Também veio ao Planalto Gustavo Cinosi, da Organização dos Estados Americanos (OEA), que destacou o apoio do presidente Bolsonaro à luta por restabelecer a democracia naquele país.

 

O governo brasileiro já afirmou que a Assembleia Nacional é o órgão reconhecido de poder na Venezuela.

Ir para a versão desktop