Ideias Inovadoras: Pesquisa usa veneno de cobra para tratamento de doenças

  • 29/07/2019 - 17h30

Michelle Moreira

O veneno de animais tem se mostrado uma matéria-prima valiosa na produção de terapias para o tratamento de doenças causadas por protozoários, como a leishmaniose e a Doença de Chagas.


Em Rondônia, pesquisadores da Fiocruz realizam estudos com venenos de serpentes para o tratamento dessas enfermidades.


O estudioso Leonardo Calderon explica que as moléculas do veneno mostraram afinidade com a enzima do parasita como a Leishmania.


A droga - ainda em fase de teste - precisa passar por aprimoramentos. Como exemplo, apesar de eliminar a parasitemia, ainda não tem efeito positivo na eliminação do inchaço nos pés dos camundongos.


Leonardo conta ainda que as moléculas do veneno já são amplamente estudadas no Brasil; o que facilitou em muito o andamento do estudo. Ainda mais neste período de corte de orçamento dentro das instituições nas áreas de pesquisa.


Ainda não se pode falar em previsão de medicamentos. São necessários no mínimo TRÊS anos para finalizar os testes pré-clínicos.

 

Ir para a versão desktop