Deputados devem votar hoje destaques da PEC da Previdência

  • 12/07/2019 - 11h25

Priscilla Mazenotti

Com alguns destaques pendentes de votação na Câmara, os deputados devem se reunir nesta manhã para debater e votar. Até o meio de manhã não havia quorum para retomar a votação. Entre os destaques, estão dois que tratam das regras de transição: um que reduz de 100% para 50% o pedágio para trabalhadores da iniciativa privada ou do setor público e outro que trata dos professores.

 

O texto-base foi aprovado na quarta-feira (10). Ontem (11), foram aprovados alguns destaques: o que diminuiu de 20 para 15 anos o tempo de contribuição exigido para homens, na regra de transição de aposentadoria por idade; o que reduz a idade mínima para policiais federais se aposentarem, sendo 52 para mulheres e 53 para homens, desde que cumpram 100% do pedágio do tempo de contribuição; o que define que a pensão por morte seja 50% do salário mais 10% para cada dependente e o que atende a uma reivindicação da bancada feminina: a que permite às mulheres que tiverem idade mínima e contribuição de 15 anos, recebam 60% da média salarial. Esse percentual aumenta 2% a cada ano de contribuição.

 

Rodrigo Maia foi prudente ao tentar prever quando a votação vai terminar, se ainda hoje, neste sábado (13) pela manhã ou na semana que vem. Ele prefere aguardar o andamento do quórum para decidir. É que além dos destaques, ainda tem o segundo turno para ser votado.

Ir para a versão desktop