Denúncias de crimes contra idosos em Manaus aumentam 13,4% no primeiro semestre de 2020

  • 30/07/2020 - 17h53

Maíra Heinen

As notificações de crimes contra idosos em Manaus aumentaram 13,4% no primeiro semestre de 2020, se comparado ao mesmo período do ano passado. Foram 4,3 mil casos neste ano, contra 3,8 mil, em 2019. Os dados são do Sistema Integrado de Segurança Pública do Amazonas.


O número de denúncias neste ano também apresentou uma alta significativa, considerando os meses de janeiro a maio. De acordo com dados da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Idoso, em Manaus, nos cinco primeiros meses de 2019 foram registradas 213 denúncias de crimes contra o idoso. Já em 2020, esse número cresceu mais de 100%, chegando a 476 denúncias.


A delegada Andrea Nascimento, que está à frente da delegacia especializada, explica que geralmente esses crimes são praticados por pessoas no âmbito familiar. Ela observa que, com a pandemia, a situação se agravou.


A delegada alerta também para a situação de vulnerabilidade, que pode expor os idosos a outros tipos de crime, como extorsões e fraudes.


Denúncias de maus tratos ou crimes contra idosos não precisam ser feitas necessariamente pela própria vítima. Pessoas fora do âmbito familiar podem denunciar, de forma anônima, por meio de Disque-Denúncia da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas, pelo número 181.


O denunciante também pode ir diretamente à delegacia, localizada na rua do Comércio, bairro Parque Dez, na zona centro-sul da capital amazonense.

Ir para a versão desktop